Marcus Leoni
Marcus Leoni

Após nova derrota, Felipe Neto reforça preocupação com possível queda do Botafogo: 'Se cair, ferrou'

'Não conheci um único integrante do projeto da SA que acreditasse que o Botafogo sobreviveria a um rebaixamento esse ano', escreveu o influenciador

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de novembro de 2020 | 10h06

Torcedor declarado do Botafogo, o youtuber Felipe Neto voltou a revelar preocupação com a situação de seu time. Isso porque, no domingo, a equipe carioca perdeu por 2 a 1 para o Fortaleza, em casa, e caiu para a penúltima colocação na tabela do Campeonato Brasileiro. Agora, uma vitória já não serve mais para tirar o clube da zona de rebaixamento. Segundo o influenciador, "se o Botafogo cair, ferrou".

Felipe escreve que o time joga o "pior futebol do Campeonato Brasileiro". "Em português claro: eu não conheci UM único integrante do projeto da SA, nem mesmo entre os mais otimistas, que acreditasse que o Botafogo sobreviveria a um rebaixamento esse ano. Não será uma morte rápida, mas aos poucos. Se cair, ferrou", acrescenta, em sua página no Twitter.

Esta não é a primeira vez que o youtuber se manifesta abertamente sobre a situação de Botafogo. Em outubro, ele revelou bastidores internos do clube do Rio e alertou que o alvinegro caminhava para uma "inevitável falência". "Vou expor aqui o que sei, o que vi, o que acompanhei. Não terei mais qualquer amigo dentro do Botafogo depois disso, mas não ligo mais. O Botafogo caminha para, agora, uma inevitável falência e ninguém mais vê saída. Então vou falar", escreveu Felipe.

Neste domingo, o influenciador ainda afirmou que tanto os comentaristas de futebol quanto os demais torcedores do Botafogo não haviam entendido o real "significado de um possível rebaixamento". O time contava com o processo de transformação em S/A para quitar suas dívidas, mas o projeto estagnou. O próximo desafio da equipe será diante do Atlético-MG, líder do torneio, no Mineirão, na quarta-feira. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.