Sedar Suna/EFE - 25/4/2013
Sedar Suna/EFE - 25/4/2013

Fenerbahçe tenta recurso para anular punição na Copa dos Campeões

Presidente disse que vai 'encher um avião com pessoas' para testemunhar em favor do clube

AE-AP, Agência Estado

27 de junho de 2013 | 14h36

ISTAMBUL - O presidente do Fenerbahçe, Aziz Yildirim, afirmou nesta quinta-feira que está confiante em obter um recurso para escapar da punição aplicada pela Uefa na terça. A entidade responsável pelo futebol na Europa proibiu o clube turco de disputar as próximas três competições continentais para as quais conquiste a classificação.

Yildirim disse que vai "encher um avião com pessoas" para testemunhar em favor do clube diante da Uefa, na Suíça. "Vamos fazer a melhor defesa de todos os tempos quando apresentarmos nosso recurso", reforçou o dirigente.

Ele voltou a negar qualquer envolvimento do Fenerbahçe em um suposto caso de manipulação de resultados na Turquia. O clube chegou a ser excluído das competições europeias no início da temporada 2011/2012 e, nesta terça, recebeu punição mais ampla.

A Uefa decidiu pela sanção mais severa após tomar conhecimento de novas evidências referentes ao caso de manipulação que teria levado o time ao título turco de 2011. "Não nos envolvemos em manipulação de resultados. Estamos limpos do que os clubes que se afirmam os mais honestos", disse Yildirim.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolUefaFenerbahçefutinter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.