Fernando Diniz deixa comando do Audax após dois anos e meio

Fernando Diniz não é mais o técnico do Audax. Depois de dois anos e meio à frente do clube, o treinador anunciou a saída do clube da Grande São Paulo. Agora, a diretoria corre para procurar um novo treinador para a disputa da Copa Paulista, que começa no dia 19 de julho.

Estadão Conteúdo

21 de maio de 2015 | 19h33

Desde que chegou o início de 2013, Diniz despertou atenção por conta do estilo de jogo implantado no Audax. O time atuou baseado no que ficou conhecido como "tiki taka", famoso com o Barcelona de Guardiola.

"Para mim existe algo mais importante que isso. Acredito que o aprofundamento das relações humanas que estabeleço com os jogadores, propicia um avanço integral fazendo melhores pessoas tornarem-se melhores jogadores", destacou o técnico que é formado em psicologia.

Diniz comandou o Audax em 91 partidas, venceu 42, empatou 30 e perdeu 19, obtendo 57,14% de aproveitamento. "Fecho esta etapa com satisfação e orgulho do sucesso obtido neste trabalho", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAudaxFernando Diniz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.