Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Fernando Prass nega falha em gol do Coritiba e é defendido por técnico

Palmeiras considera vacilo coletivo como o culpado por lance e pouca goleiro de responsabilidade

O Estado de S. Paulo

08 de junho de 2017 | 11h00

O goleiro Fernando Prass, do Palmeiras, descartou ter falhado no lance do gol da vitória do Coritiba por 1 a 0, nesta quarta-feira, no Couto Pereira, pelo Campeonato Brasileiro. A jogada decisiva saiu no começo do segundo tempo, com um longo lançamento da defesa e a conclusão de Matheus Galdezani, em toque por cobertura para garantir o gol.

Prass após o jogo explicou o lance e teve a atuação defendida pelo técnico Cuca. "O jogador deles infiltrou de trás e a gente não acompanhou. Uma bola longa, houve a infiltração, e ele acabou conseguindo fazer o gol", disse  goleiro. "Eu me lembro bem sa jogada do gol. Foi um lançamento longo. A gente se posicionou mal. Acho que o menos culpado desse gol foi o Fernando", disse o treinador.

O titular do gol palmeirense semanas atrás, depois de derrota para o São Paulo, admitiu ter falhado nos dois gols da derrota no Morumbi, ao dizer que para o nível em que está acostumado atuar, não poderia ter sofrido nos lances. "Tem que trabalhar e voltar a vencer. Óbvio que se for com boas atuações é melhor. Mas o primeiro passo é a vitória", comentou.

O Palmeiras acumula cinco partidas sem vencer na temporada e tentará a reação no próximo sábado, quando recebe o Fluminense, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. Depois disso, a equipe vai fazer duas partidas como visitante, contra Santos e Bahia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.