Cesar Greco/ Divulgação
Cesar Greco/ Divulgação

Prass pede humildade ao Palmeiras diante das críticas após 5 a 1

'É importante assumir as críticas', diz goleiro após derrota

GONÇALO JUNIOR, Estadão Conteúdo

05 de outubro de 2015 | 10h13

O goleiro Fernando Prass afirmou que os jogadores do Palmeiras precisam de humildade e inteligência para assumir as críticas após a goleada de 5 a 1 aplicada pela Chapecoense, neste domingo, fora de casa, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Quando tem vitória e elogio o jogador gosta e absorve bem. Nas derrotas é normal que tente se blindar e não assimilar as críticas. É importante ter humildade e inteligência para assumir as críticas. Se pensar ''a culpa não foi minha, foi do fulano'', vamos tomar uma porrada e não vai servir de nada", afirmou o goleiro no desembarque da delegação em São Paulo na manhã desta segunda-feira.

O goleiro, o único que falou com os jornalistas na chegada a São Paulo, afirmou que os erros de marcação e a falta de intensidade foram os principais motivos da goleada que tirou o Palmeiras do G4. Com 45 pontos, o Palmeiras caiu para a sexta posição no Campeonato Brasileiro.

"Tivemos muito menos intensidade. Eles colocaram um ritmo mais forte, nós não acompanhamos esse ritmo, principalmente na questão da marcação. Não conseguimos ter uma intensidade de marcação forte, e acabou acontecendo esse resultado elástico", disse o goleiro.

O elenco do Palmeiras terá dois dias de folga e se reapresenta na quarta-feira. O próximo jogo do time será em 14 de outubro, diante da Ponte Preta, no Allianz Parque.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasFernando Prass

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.