Andy Rain/EFE
Andy Rain/EFE

Fernando Torres encerra jejum e Chelsea avança na Liga Europa

Com o gol, ele encerrou um jejum que vinha desde o dia 27 de janeiro sem balançar as redes

AE, Agência Estado

14 de março de 2013 | 19h09

LONDRES - O Chelsea ganhou nesta quinta-feira uma esperança para reverter uma temporada que, por enquanto, tem sido para esquecer. Jogando em casa, o time do técnico Rafael Benítez venceu o Steaua Bucareste por 3 a 1, reverteu a derrota por 1 a 0 sofrida da Romênia, e se classificou para as quartas de final da Liga Europa.

Assim, o time inglês, atual campeão europeu, segue tendo duas chances de título na temporada. Depois de perder a Supercopa da Europa, a Supercopa da Inglaterra e o Mundial de Clubes e ser eliminado da Copa da Liga Inglesa, a equipe ainda sonha com a taça da Copa da Inglaterra, apenas. No Inglês, está na quarta posição, longe do líder Manchester United.

Nesta quinta, a vitória em Stamford Bridge começou a ser construída apenas aos 34 minutos do primeiro tempo, quando Ramires deu bom toque, Mata dominou com estilo e tocou para o gol. Nos acréscimos, porém, Chiriches marcou após bate-rebate na área, deixou tudo igual, e forçou os ingleses a irem atrás de mais dois gols no segundo tempo.

Aos 13, Mata cruzou e Terry fez de cabeça. O gol da classificação foi marcado por Fernando Torres. A jogada começou pela direita e passou por Hazard, que deu lindo toque de calcanhar até o espanhol, que teve calma no domínio e bateu no canto, sem chances para o goleiro. Com o gol, ele encerrou um jejum que vinha desde o dia 27 de janeiro sem balançar as redes.

Na Itália, a Lazio recebeu o Stuttgart e venceu com tranquilidade, por 3 a 1, chegando a 5 a 1 no agregado. O checo Kozák fez os três gols romanos.

Na França, um jogo emocionante entre Bordeaux e Benfica. O time português vencera por 1 a 0 em casa e jogava pelo empate. Saiu na frente, com Jadel, levou o empate com Diabaté, voltou a ficar na frente com Cardozo, mas os donos da casa empataram de novo com Jardel, contra, aos 46. Só que ainda deu tempo de Cardozo fazer mais um e garantir a vitória do Benfica por 3 a 2.

Mas nada se compara ao Newcastle, que jogando em casa, ficou com a vaga graças a um gol de Cissé, aos 48 minutos do segundo tempo, no último lance do jogo, eliminando o Anzhi de João Carlos, Ewerton e Jucilei. O time russo, porém, não pôde contar com Willian, machucado. A vitória inglesa por 1 a 0 foi suficiente porque na ida houve empate em 0 a 0.

A oitava vaga nas quartas de final da Liga Europa é do Fenerbahce, que empatou em 1 a 1 com o Viktoria Plzen, de República Checa, nesta quinta. Ucan, para os donos da casa, e Darida, para os checos, marcaram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.