Ferroviária surpreende o Juventude na Copa do Brasil: 3 a 1

Na sua primeira partida na história da Copa do Brasil, a Ferroviária fez bonito ao vencer o Juventude por 3 a 1, nesta quarta-feira à noite, no Estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara. Esta vitória dá ao time paulista a vantagem de perder até por 1 a 0 no jogo de volta, dia 28, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS). Sem a participação efetiva dos laterais e sem força no meio-de-campo, o Juventude foi completamente dominado no primeiro tempo. Foi castigado com um gol logo aos 14 minutos, quando Leandro Donizete dominou sozinho fora da área e chutou forte no canto direito de André. O Juventude chegou ao empate no começo do segundo tempo, com William. Mesmo após o gol, a Ferroviária continuou melhor e começou a explorar a principal deficiência da defesa gaúcha no jogo: as bolas altas. Aos 23 minutos, O lateral Fernando Luiz fez o cruzamento e Douglas Richard subiu sozinho para marcar de cabeça. Aos 35, o goleiro Michel falhou e a bola sobrou para o complemento de Renato: 3 a 1. Para piorar, os visitantes ainda perderam Leandro Donizete e Jó, expulsos. Ficha técnica:Ferroviária 3 x 1 JuventudeFerroviária - Tuti; Leandro, Thiago Costa, Mauro e Fernando Luiz; Vagner, Leônico, Leandro Donizete e Renato; Jó e Douglas Richards. Técnico: Edison Só. Juventude - André (Michel); Radamés, Fábio Rosa, Cedrola e Márcio Azevedo; Emerson, Lauro (Gabriel), Paulo Ramos e Juliano (Veiga); Wiliam e Tadeu. Técnico: Ivo Wortmann. Gols - Leandro Donizete aos 14 minutos do 1.º tempo; William a 1, Douglas Richards aos 23 e Renato aos 35 minutos do 2.º tempo. Árbitro - Wagner dos Santos Rosa (RJ). Cartões amarelos - Márcio Azevedo, Radamés, Veiga, Paulo Ramos, Jó e Leandro Donizete. Cartões vermelhos - Leandro Donizete e Jó. Renda - R$ 77.270,00. Público - 5.165 pagantes. Local - Estádio da Fonte Luminosa, em Araraquara (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.