Festa da Fiel deve começar em Goiânia

A Gaviões da Fiel está preparando uma grande festa para o possível tetracampeonato brasileiro do Corinthians. E ela começará no Serra Dourada, palco do jogo deste domingo. "Vai ser igual a que fizemos no Maracanã", disse Wildner Rocha, vice-presidente da torcida, lembrando do título mundial de 2000 conquistado sobre o Vasco, no Rio.Os preparativos da festa começaram há mais de uma semana. Como o título não veio na rodada passada, contra a Ponte Preta, no Morumbi, os diretores da Gaviões já trataram de arrumar tudo para este jogo. Três bandeiras gigantes estarão no Serra Dourada ? a maior tem 40 metros de altura por 120 de comprimento. E fogos de artifício não vão faltar. "Vamos ter várias novidades nesse jogo", prometeu Wildner. Para se ter uma idéia da dimensão do evento, três ônibus especiais foram reservados para a diretoria da torcida e todo material. Sessenta pessoas estarão trabalhando diretamente nos preparativos da festa no estádio goiano, 40 deles só para cuidar das bandeiras. "No Morumbi normalmente usamos 20 pessoas", garantiu Wildner. Acabando o jogo, a festa não terá continuidade nas ruas da cidade goiana. Os torcedores devem retornar à capital paulista duas horas depois da partida.Além da festa em Goiás, a quadra da Gaviões, em São Paulo, está preparada para receber 10 mil torcedores. Um telão mostrará a partida. E o gasto para toda essa festa não foi pouco. "Reservamos R$ 15 mil para a comemoração", confirmou o vice-presidente.Na Camisa 12, a festa na quadra da torcida deve receber 2 mil pessoas. Acabando o jogo, os seis ônibus que foram para Goiânia retornarão a São Paulo para continuar a comemoração na sede. "A festa vai longe", garantiu o presidente Denis César Mota. "Vai ter churrasco e muita cerveja."

Agencia Estado,

04 de dezembro de 2005 | 11h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.