Festa do Boca: 200 detidos e 14 feridos

A festa dos torcedores do Boca Juniors pela conquista do título da Libertadores com a vitória por 3 a 1 sobre o Santos, no Morumbi, terminou na madrugada desta quinta-feira em Buenos Aires, com um saldo de 200 pessoas presas e 14 feridas. A polícia registrou dezenas de casos de vandalismo. Torcedores boquenses depredaram equipamentos públicos, danificaram carros e pontos de ônibus. Algumas casas comerciais tiveram as vitrines destruídas e outras chegaram a ser saqueadas. Em meio às comemorações, torcedores queimaram posters do River Plate - maior rival do Boca - e atacaram viaturas policiais. Um dos feridos foi levado em estado grave para o hospital, após despencar de um obelisco, situado num praça da região central da capital argentina.Ainda de acordo com a polícia, ocorreram incidentes em Buenos Aires, no balneário de Mar del Plata e em cidades como Paraná e Resistência.

Agencia Estado,

03 de julho de 2003 | 10h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.