Fiel promete jogar junto com o time

O Corinthians virou sucesso de crítica e público. Apontado por muitos como o grande favorito aos títulos da Copa do Brasil e do Brasileirão, o milionário time da MSI tem levado multidões aos estádios. Exemplo: para o jogo desta quarta-feira, às 20h30, contra o Figueirense, no Pacaembu, pelas oitavas-de-final da Copa do Brasil, os ingressos de arquibancada se esgotaram em dois dias. Desde a quinta-feira passada só se encontra bilhete na mão de cambista. Efeitos da MSI. "Saber que os ingressos se esgotaram tão rapidamente serve de incentivo para nós", diz o meia Carlos Alberto, um dos galácticos de Kia Joorabchian. A força da Fiel é mais evidente na Copa do Brasil quando comparada à presença de público das outras torcidas. No total, a média do Corinthians no torneio é de 18.394 pagantes por jogo - quase o dobro do segundo colocado, o Grêmio, que tem levado 9.819 pessoas, em média, por partida. Essa marca corintiana vai subir ainda mais nesta quarta-feira, computando os 34.300 ingressos que foram vendidos antecipadamente. Com esse número, a média do Timão na Copa do Brasil vai pular para 21.575 torcedores por partida. No ano passado, a média total do time no ano foi de 13.549 pessoas por jogo. Ou seja: depois da MSI, houve um acréscimo de 21,5% de público nos estádios. "Bons times atraem grandes torcidas", diz Carlos Alberto. No total, em 23 jogos neste ano, o Corinthians já levou 378.305 pessoas aos estádios. Como mandante, o valor bruto arrecadado pelo Timão é de R$ 3.058.490,00 - sendo R$ 1.719.739,00 líquidos. Curiosamente, apesar do apoio de sua torcida, o Corinthians, com Passarella, tem conquistado melhores resultados fora de casa. "Só perdi o primeiro jogo para o Cianorte porque tinha tido apenas um dia e meio de trabalho. Depois disso, o Corinthians venceu todos os jogos como visitante", constatou hoje o treinador, deixando claro que, mesmo que o Corinthians não goleie o Figueirense, terá totais condições de garantir a vaga no jogo de volta, dia 4, em Florianópolis . Para a partida desta quarta, Passarella tem uma dúvida no meio-de-campo. Roger, com uma lesão muscular na coxa direita, ainda não sabe se joga. Se for vetado, Rosinei deve entrar em seu lugar. No ataque, Jô atuará na vaga de Bobô, que está com a Seleção Brasileira Sub-20 no Chile. Gil, recuperando-se de lesão, deve ficar como opção para o segundo tempo.O Corinthians deve jogar com Fábio Costa; Anderson, Betão, Sebá e Edson; Marcelo Mattos, Roger (Rosinei), Carlos Alberto e Gustavo Nery; Tevez e Jô.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.