Fifa aceita ação e Rodrigo Souto pode voltar a jogar

Após ser suspenso por doping, jogador é autorizado a defender o alvinegro praiano no Campeonato Brasileiro

SANCHES FILHO, O Estado de S. Paulo

22 de agosto de 2008 | 18h01

A Fifa comunicou ao Santos que Rodrigo Souto está livre para atuar em jogos no Brasil e no exterior, à exceção de competições promovidas pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol). Com a decisão, o volante será a principal novidade do time contra o Cruzeiro, no domingo, na Vila Belmiro. A última vez que o volante jogou foi na derrota por 3 a 0 para o Figueirense, em Florianópolis, no dia 16 de julho. Depois, ficou fora de nove partidas do Campeonato Brasileiro.   Veja também:Faça a sua aposta no Bolão Vip do Limão  Vote: O Santos conseguirá evitar a queda?A entidade acolheu, em parte, o pedido de absolvição que os representantes de Rodrigo Souto, os advogados Mário Mello, gerente jurídico do Santos, e Marcos Motta, especialista em direito esportivo internacional, apresentaram há cerca de um mês na Fifa e na Corte Arbitral do Esporte (CAS). Agora, o jogador tem esperança de que seja liberado também da punição imposta pela Conmebol.Rodrigo Souto foi julgado e punido com suspensão por dois anos pela Conmebol, após ter sido pego no exame antidoping do jogo entre Santos e San José, pela fase de grupos da Libertadores, no dia 19 de março, em Oruro. Na análise de sua urina foi encontrada a substância benzoilegonina, principal derivado da decomposição da cocaína.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.