Fifa amplia penas de Stam e Guardiola

A Fifa decidiu nesta quarta-feira ampliar a punição do holandês Jaap Stam e do espanhol Josep Guardiola, suspensos por uso de doping. A partir de agora, os dois jogadores estão proibidos de participar de jogos oficiais e amistosos por um período de quatro e cinco meses, respectivamente. A punição é retroativa a 22 de novembro de 2001.Os dois foram julgados pelo comitê disciplinar da Liga Italiana de Futebol no dia 24 de janeiro. Exames mostraram que ambos haviam feito uso de um estimulante à base de nadrolona, uma substância proibida pela legislação esportiva. Stam, que se transferiu para a Lázio nesta temporada, foi flagrado no doping no dia 13 de outubro, logo depois da partida contra o Atalanta. Guardiola, ex-Barcelona, e que se transferiu para o Brescia em outubro, teve resultado positivo duas vezes: após o jogo contra o Piacenza, no dia 21 de outubro e contra a Lázio, dia 4 de novembro. Os dois jogadores negam que tenham se dopado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.