Fifa apresenta denúncia contra a ISL

A Fifa decidiu processar a ISMM - empresa de marketing esportivo que controla a ISL - por fraude, desvio de dinheiro e abuso de confiança. A denúncia, segundo o presidente da Fifa, Joseph Blatter, será apresentada contra o chefe financeiro da ISMM, Hans Jurg Schmid e o primeiro vice-presidente da empresa, Hans Peter Weber.O processo teve origem na suspeita de desvio de US$ 60 milhões pagos no dia 18 de setembro de 2000 pela Rede Globo de Televisão à ISMM, pelo direito de retransmissão das Copa do Mundo de 2002 e 2006. Segundo acordo existente entre a Fifa e a ISMM, a empresa deveria transferir o dinheiro para uma conta na Suiça, onde a entidade estaria em condições de controlar. Blatter garante, no entanto, que o dinheiro não chegou a ser depositado na conta. O dirigente suspeita que tenha sido desviado para uma conta secreta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.