Fifa cria seu próprio Tribunal

Foi aprovada neste sábado, por 174 votos a oito, durante o terceiro dia do Congresso Extraordinário da Fifa em Buenos Aires, a formação do Tribunal de Arbitragem do Futebol (TAF), que terá influência no processo de transferência dos jogadores. "Esperamos que, com um tribunal absolutamente independente, a Justiça aceite suas determinações nos litígios que aparecerem no futebol", disse David Will, criador do projeto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.