Fifa denuncia Kosovo e Croácia por cantos de 'morte a sérvios' nas Eliminatórias

Ato das duas torcidas ocorreu no último dia 6, na Albânia

Estadão Conteúdo

18 Outubro 2016 | 12h47

A Fifa anunciou nesta terça-feira a abertura de um inquérito disciplinar para investigar os incidentes do confronto entre Kosovo e Croácia, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Na ocasião, as duas torcidas "se uniram" para entoar cânticos de ataque à Sérvia, e é justamente esta conduta que foi denunciada pela entidade.

Na partida realizada no último dia 6, na Albânia, a Croácia goleou Kosovo por 6 a 0. Ao longo do confronto, as duas torcidas foram flagradas cantando juntas: 'Matem, matem os sérvios".

O comportamento foi fruto da imensa tensão entre os países que formavam a Iugoslávia. Uma guerra de grandes proporções no início da década de 90 separou o país em diversos outros, como Sérvia, Croácia e Bósnia. Somente em 2008, Kosovo declarou unilateralmente sua independência, que, no entanto, ainda não é reconhecida por diversas nações, como a própria Sérvia.

A Organização das Nações Unidas (ONU) também ainda não reconhece Kosovo como nação independente. Mesmo assim, o país conseguiu em maio o direito de se filiar à Fifa e disputa sua primeira competição oficial de futebol nessas Eliminatórias.

A Fifa não informou quando julgará o caso, mas se for punida, esta não será a primeira sanção enfrentada pela Croácia nas Eliminatórias. O país teve que atuar sem torcida em suas duas primeiras partidas na competição justamente por conta do comportamento ofensivo de sua torcida.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.