Fifa deve considerar candidato externo para suceder Blatter, diz presidente do COI

A Fifa deve considerar um candidato externo para suceder o presidente suspenso Joseph Blatter, uma vez medida que a organização responsável pelo futebol mundial precisa reconquistar credibilidade rapidamente, disse o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, nesta quinta-feira.

REUTERS

08 de outubro de 2015 | 11h01

"Já chega. Esperamos que agora, finalmente, todos na Fifa tenham percebido que não podem continuar passivos", disse Bach.

"Eles precisam agir rapidamente para reconquistar credibilidade, porque não se pode dissociar para sempre a credibilidade da Fifa da credibilidade do futebol", acrescentou Bach, em sua declaração mais dura até o momento sobre os problemas da Fifa.

(Reportagem de Karolos Grohmann)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTFIFABACHCOI*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.