Otávio Magalhães/AE
Otávio Magalhães/AE

Fifa divulga números sobre as sete edições do Mundial de Clubes

Decisão entre Corinthians e Vasco foi a que teve o maior público entre os torneios interclubes

Luís Augusto Mônaco, estadão.com.br

07 de dezembro de 2011 | 20h15

A Fifa divulgou ontem alguns números sobre as sete edições do Mundial de Clubes disputadas a partir de 2000. E o maior público em uma partida pertence a um confronto entre equipes brasileiras: dia 14 de janeiro de 2000, 73 mil pessoas viram o Corinhtians derrotar o Vasco nos pênaltis e levar o troféu.

O Brasil também tem o artilheiro do torneio. O atacante Denílson, que acabou de disputar a Série B pelo Guarani, marcou quatro gols pelo Pohang Steelers (Coreia do Sul) no torneio de 2009 - que teve o Barcelona como campeão. É do Barça a maior goleada do Mundial: 4 a 0 sobre o América do México em 2006.

A média de gols da competição é de 2,97 por partida (175 em 59 jogos). A final com mais gols foi a de 2007 (Milan 4 x 2 Boca Juniors) e a única em que a rede não balançou foi a entre Corinthians e Vasco. A edição deste ano será a de maior número de jornalistas. Segundo o chefe de imprensa do torneio, Alex Stone, mais de 800 profissionais foram credenciados.

Tudo o que sabemos sobre:
santosmundial de clubes da fifafifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.