Hussein Malla/AP
Hussein Malla/AP

Fifa diz ter total confiança no Brasil para Copa de 2014

Joseph Blatter brincou dizendo que o País é o "plano B" e o "C" da Fifa para sediar o Mundial

AE, Agência Estado

17 de dezembro de 2010 | 10h11

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, minimizou as preocupações com o atraso nos preparativos do Brasil para organizar a Copa do Mundo de 2014. Em Abu Dabi, ele brincou dizendo que o País é o "plano B" e o "C" da Fifa para sediar o torneio. E lembrou que preocupações semelhantes surgiram antes do Mundial de 2010, realizado na África do Sul.

Veja também:

linkBlatter defende realização da Copa do Catar no início de 2022

linkBlatter se desculpa por comentários sobre gays

O dirigente revelou confiar que o Brasil conseguirá organizar uma competição de alto nível. "Esperamos que o Brasil vai fazê-lo. Eles vão fazer isso", disse Blatter. "Você não pode imaginar que o continente do futebol não vai fazer todos os esforços para estar pronto e estará pronto no melhor nível. Eu não consigo imaginar isso".

Apesar do discurso otimista, o Brasil tem sido alvo de críticas, inclusive internas, por conta de atrasos nas obras para a Copa do Mundo. A necessidade de modernização dos aeroportos é uma das principais preocupações das autoridades. Além disso, a cidade de São Paulo foi alvo de polêmica com o veto ao Estádio do Morumbi para receber jogos da competição. Em substituição, o comitê organizador indicou o estádio a ser construído pelo Corinthians.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.