Fifa espera proposta da Espanha por Copa do Mundo de 2018

O presidente da Fifa, Joseph Blatter,afirmou que está na hora da Espanha voltar a ser sede de umaCopa do Mundo. "Me lembro da Copa do Mundo de 1982", disse Blatter à mídiaespanhola nesta terça-feira. "A Copa quebrou vários recordes, aprimeira com 24 países, 17 estádios e 14 cidades, algo quenunca foi repetido." "Está na hora de a Espanha organizar outra (Copa doMundo)... Por essa razão, eu espero que eles apresentemcandidatura para 2018." Blatter deu essas declarações durante reunião comrepresentantes do futebol espanhol em Zurique, na sede da Fifa.Ele também elogiou o nível do Campeonato Espanhol. "Nenhuma outra liga pode igualar a qualidade do futeboljogado na Espanha. É a única liga cinco estrelas", disse odirigente máximo do futebol mundial. "O futebol que você vê na Espanha você não vê em nenhumoutro lugar. É um país de futebol, e por isso eu gostaria queeles organizassem outra Copa do Mundo." O presidente da Federação Espanhola de Futebol, Angel MaríaVillar, foi cauteloso sobre a possibilidade de apresentação deuma candidatura espanhola ao Mundial. A Copa do Mundo de 2010 será na África do Sul, e a de 2014,no Brasil. "Isso é algo que nós vamos considerar no futuro. Precisamosanalisar cuidadosamente", disse ele. A Espanha sediou a Copa do Mundo de 1982, quando a Itáliaderrotou a Alemanha Ocidental na final por 3 x 1, no estádioSantiago Bernabéu, em Madri. A Fifa deve decidir o país-sede da Copa do Mundo de 2018 em2011. Diversos países já demonstraram interesse em receber oMundial daqui a 10 anos, incluindo Austrália, Japão, Inglaterrae uma proposta conjunta de Holanda, Bélgica e Luxemburgo. (Por Mark Elkington)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.