Fifa investiga Etiópia por uso de jogador irregular

A Fifa está investigando as seleções da Etiópia e de Togo por supostamente terem utilizados jogadores em condição irregular nas Eliminatórias Africanas para a Copa do Mundo de 2014. Caso sejam punidos, os etíopes podem ficar fora da fase final do torneio de classificação para o Mundial do Brasil.

AE-AP, Agência Estado

17 de junho de 2013 | 13h12

A entidade, porém, não revelou os jogadores sob suspeita ou porque eles poderiam estar irregulares. A punição típica para estes casos são vitórias por 3 a 0 para o adversário. Burkina Faso, Gabão e Sudão já foram punidos assim em casos semelhantes.

Possíveis sanções contra as duas equipes poderiam afetar significativamente as Eliminatórias Africanas e ajudar as seleções da África do Sul e de Camarões, além de atrapalhar a Líbia.

A Etiópia se classificou para os playoffs finais, marcados para outubro e novembro, com uma vitória por 2 a 1 sobre a África do Sul, pelo Grupo A, mas pode perder os três pontos do triunfo por 2 a 1 sobre Botsuana, por ter, supostamente, usado um jogador irregular. Assim, em caso de punição, a chave iria para a rodada final com a Etiópia com 10 pontos, a África do Sul com oito e Botsuana com sete.

A Fifa disse que também está investigando a vitória do Togo por 2 a 0 sobre Camarões em 9 de junho. Em caso de punição, a Líbia perderia a condição de líder do Grupo I para os camaroneses, que chegaram aos 10 pontos, um a mais do que os líbios.

Além disso, a Guiné Equatorial apelou contra a decisão da Fifa de retirar a vitória por 4 a 3 sobre Cabo Verde, disputado em março, por causa do uso irregular de um jogador. Nesse caso, a classificação da Tunísia, que avançou com antecedência, não estaria mais garantida, pois Guiné Equatorial ficaria três pontos atrás dos tunisianos faltando uma rodada para o final do Grupo B.

Os vencedores do dez grupos das Eliminatórias Africanas se classificam para playoffs, que definirão os cinco representantes do continente na Copa do Mundo de 2014. Sem considerar possíveis punições, Etiópia, Tunísia, Costa do Marfim, Egito e Argélia já estão garantidos no mata-mata decisivo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.