Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Fifa investigará incidentes em Mali

A Fifa anunciou nesta terça-feira que vai investigar os incidentes que provocaram a suspensão da partida entreMali e Togo pelas eliminatórias africanas da Copa do Mundo de 2006. Togo marcou seu segundo gol nos acréscimos do segundo tempo, o que fez com que grupos de torcedores de Mali reagissem violentamente e invadissem o gramado.A polícia usou gás lacrimogêneo e a partida, que acontecia em Bamaco, capital de Mali, foi suspensa com o placar de 2 a 1 a favor do Togo. A Confederação Africana de Futebol (CAF) confirmou a vitória aoTogo, mas a Fifa deve reiterar a decisão. Se o resultado for mantido, Mali estaria fora da briga por uma vaga à Copa de 2006. "A Fifa recebeu um relatório dos responsáveis da partida e abriráuma investigação disciplinar para esclarecer os incidentes no estádio", disse o porta-voz da Fifa, John Schumacher. Além disso, acrescentou que o governo de Mali não entregou à Fifanenhum documento formal que ajude na investigação para esclarecer osfatos. A revolta se espalhou até o centro de Bamaco, com centenas depessoas ameaçando os jogadores da seleção de Mali, destruindo carrose saqueando lojas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.