Fifa lança 1º Mundial de Beach Soccer

A Fifa decide incorporar de vez o futebol de praia em sua agenda oficial e anuncia que irá promover a primeira Copa do Mundo da modalidade reconhecida pela entidade máxima do futebol. O evento ocorrerá ainda neste ano no Brasil e reunirá doze seleções. O Mundial já vinha sendo disputado desde 1995, mas era organizado pela Beach Soccer World Wide, uma entidade com sede em Barcelona. Diante do interesse pelo esporte, a Fifa decidiu tomar para sí o evento e ainda criará uma divisão que ficará responsável exclusivamente pela modalidade, a FIFA Beach Soccer S.L. (FBSSL), que atuará também com sede em Barcelona."Desde que foi introduzido há pouco mais de uma década, o esporte cresceu em termos de popularidade e sofisticação. Portanto, é absolutamente lógico para a Fifa, como órgão que governa o futebol, ampliar suas funções para o futebol de praia", afirmou Joseph Blatter, presidente da Fifa. A divisão criada pela entidade ainda terá como função desenvolver a modalidade, ainda que a Fifa prometa preservar o "sentido de espontaneidade" do futebol de praia. "A Fifa está convencida de que o Futebol de Praia é e se tornará cada vez mais importante a atrativo dentro do futebol", afirma o comunidade da entidade.Parte do atrativo pode ser explicado com base nas estatísticas. Dados da Liga Européia de Futebol de Praia apontam que, em média, uma partida na areia tem um chute ao gol a cada 30 segundos e cerca de onze gols.Para a organização da Copa do Mundo, que ainda não tem uma data fixa para ocorrer em 2005, a Fifa declara que irá trabalhar ao lado dos especialistas da Beach Soccer World Wide (BSWW). "Estamos contentes com esse anúncio" afirmou Luis Felipe Tavares, presidente da BSWW."Trabalhamos duro por muitos anos para construir a reputação e a qualidade do futebol de praia. Agora, juntando forças com a Fifa para criar a Copa do Mundo, estamos garantindo que estamos levando o esporte para um outro nível em termos de qualidade e reconhecimento", disse Tavares.O primeiro mundial, ainda não organizado pela Fifa em 1995, foi realizado no Rio de Janeiro e vencido pelo Brasil. Só em 2001 o Brasil deixou de conquistar o título, que ficou com a seleção de Portugal no evento disputado na Costa do Sauipe. Além do campeonato, amistosos e jogos de exibição foram organizados em todo o mundo nos últimos dez anos, contribuindo para divulgar o futebol de praia. Em 1998, uma liga européia ainda foi criada.

Agencia Estado,

01 de fevereiro de 2005 | 10h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.