Tolga Bozoglu/EPA/EFE
Tolga Bozoglu/EPA/EFE

Fifa multa Federação Croata por uso ilegal de propaganda durante jogo

Entidade que comanda o futebol mundial também advertiu o goleiro Danijel Subasic por homenagem a companheiro em camiseta

Estadão Conteúdo

05 Julho 2018 | 19h30

A Fifa multou a Federação Croata de Futebol em 70 mil francos suíços (cerca de R$ 277 mil) pelo uso ilegal de propaganda por parte de jogadores durante o jogo das oitavas de final contra a Dinamarca, no último domingo, em Nijni Novgorod. Após empate por 1 a 1 persistir até a prorrogação, os croatas venceram nos pênaltis por 3 a 2.

+ Jogador da Dinamarca é ameaçado de morte após perder pênalti e federação denuncia

+ Herói da classificação croata, goleiro homenageia amigo que morreu em jogo

+ Técnico admite atuação ruim, mas diz que vitória nos pênaltis fortalece Croácia

A quantia estipulada como punição à entidade da Croácia é sete vezes maior do que a aplicada à Rússia, sancionada por causa de uma bandeira neonazista mostrada por torcedor em uma partida da seleção anfitriã neste Mundial.

O órgão máximo do futebol afirmou que a multa à Croácia ocorreu por "exibição debebidas não autorizadas" pelos atletas. A Fifa mantém parceria com a Coca-Cola há muitos anos. A marca tem direitos exclusivos para fornecer produtos e explorar a publicidade em estádios e outros locais oficiais da Copa do Mundo.

Além da multa, a Fifa divulgou que também advertiu a federação e o goleiro Danijel Subasic, que defendeu três penalidades na decisão de tiros livres do último domingo. Na comemoração da classificação às quartas de final, o jogador vestiu uma camiseta em homenagem a um ex-companheiro de equipe que morreu em 2008. Para a Fifa, Subasic violou as regras disciplinares "devido à exibição de uma mensagem pessoal".

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.