Fifa não deve punir Domenech por ignorar Parreira

A Fifa ainda não começou nenhuma investigação do incidente em que o técnico francês Raymond Domenech ignorou o brasileiro Carlos Alberto Parreira, após a partida entre África do Sul e França, terça-feira, em Bloemfontein.

AE-AP, Agência Estado

23 de junho de 2010 | 08h31

Terminado o confronto, Parreira foi até o francês e tentou cumprimentá-lo. Domenech, no entanto, negou o aceno e deixou o brasileiro com a mão estendida. Pela falta de fair play, especulou-se que o tão polêmico treinador da França poderia ser punido.

Mas segundo contou nesta quarta-feira o porta-voz da Fifa, Pekka Odriozola, o comitê disciplinar da entidade ainda não abriu nenhuma investigação contra Domenech. A África do Sul venceu a França por 2 a 1, resultado que eliminou as duas seleções na primeira fase do Mundial.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.