Fifa pede informações sobre Cristiano

O chefe da equipe médica da Fifa, Jiri Dvorak, entrou em contato nesta terça-feira com a Federação Indiana de Futebol para solicitar informações sobre a morte do brasileiro Cristiano Lima Junior, ocorrida no último domingo. Em Nova Délhi, a resposta à Fifa foi de que as informações somente estariam disponíveis quando uma autópsia completa do jogador fosse realizada.Sem informações para fazer seu próprio julgamento sobre o caso, a Fifa se limitou a enviar uma carta de condolências à federação indiana. Joseph Blatter, presidente da Fifa, qualifica o brasileiro de "talentoso" e lembra que Cristiano Lima Junior levou seu time em 2003, o East Bengal de Calcutá, à conquista do campeonato daquele ano com "desempenhos brilhantes".Para Blatter, o brasileiro continuou sendo "uma inspiração para seu novo time (Dempo)" em 2004. "O fato dessa tragédia ter ocorrido enquanto o jogador liderava sua equipe à vitória com seus dois gols diz muito sobre seu caráter e seu amor pelo futebol", afirma o presidente da Fifa. Cristiano Lima Junior foi o autor dos dois gols na partida de domingo que deu o título da Copa das Federações ao seu time, o Dempo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.