Evelson de Freitas/AE
Evelson de Freitas/AE

Fifa promete melhoras no trânsito, gramados e ingressos

Presidente Joseph Blatter diz que situação estará melhor na Copa do Mundo do ano que vem na África do Sul

EFE,

18 de junho de 2009 | 12h06

PRETÓRIA - A Fifa prometeu que trabalhará para melhorar aspectos como tráfego, venda de ingressos e gramados dos estádios para a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. A informação foi dada nesta quinta-feira pelo suíço Joseph Blatter, presidente do organismo.

Veja também:

Copa das Confederações 2009 - tabela Classificação

Copa das Confederações 2009 - lista Calendário

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O ensaio para o primeiro Mundial no continente africano é a Copa das Confederações, que vai até o dia 28 deste mês.

Blatter deu uma entrevista coletiva no estádio Loftus Versfeld de Pretória, prévia ao jogo entre Brasil e Estados Unidos, iniciada com uma hora de atraso, como consequência do trânsito na cidade.

"Este assunto será resolvido. Há outros aspectos muito positivos, como o clima que encontramos e que é muito bom para jogar futebol", comentou Blatter. "É preciso levar em conta que as estradas do país ainda estão sendo preparadas", completou.

A venda de ingressos na atual Copa das Confederações não está à altura do que é esperado, mas o dirigente não vê problemas para o ano que vem.

"Não daremos entradas de presente para melhorar a presença de público, mas é certo que queremos mais gente. Para isso, temos que oferecer soluções aos que não podem adquiri-las tão facilmente", ressaltou.

No entanto, Blatter afirmou que a Fifa já sabe que cerca de 500 mil turistas irão à África do Sul durante o Mundial, o que melhora a expectativa pela presença de público.

Os gramados dos estádios também serão mais bem cuidados, evitando reclamações como as da seleção espanhola sobre o estádio Free State, em Bloemfontein.

Sobre a evolução do torneio, que praticamente chega à sua metade nesta quinta-feira, Blatter comentou que as informações recebidas pelas oito seleções participantes são "satisfatórias".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.