Fábio Menotti/Ag. Palmeiras
Fábio Menotti/Ag. Palmeiras

Fifa publica certificado de aprovação da grama sintética do Palmeiras

Piso artificial recebe homologação de qualidade da entidade após avaliação feita por laboratório escocês

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

06 de março de 2020 | 17h38

A Fifa homologou nesta sexta-feira a certificação do gramado sintético do Allianz Parque. A entidade máxima do futebol emitiu no site oficial o certificado com um ano de validade em que atesta a aprovação do piso do estádio do Palmeiras em testes de qualidade de qualidade. Os avaliadores vieram da Escócia e estiveram em São Paulo nesta semana para visitar o local.

Para aprovar o gramado, o laboratório enviou ao Brasil uma equipe de técnicos, que realizou uma bateria no testes no novo piso. Critérios como velocidade e quique de bola, resistência à torção das chuteiras e eficiência de drenagem foram avaliados com base em resultados comparativos feitos anteriormente nos melhores campos naturais do futebol.

A aprovação do piso veio logo na primeira tentativa, sem a necessidade de serem realizados ajustes para se atingir os parâmetros exigidos pela Fifa. O gramado recebeu o certificado mais alto de qualidade e só precisará passar por novos testes no próximo ano, quando tentará renovar a comprovação da qualidade.

O Palmeiras inaugurou o piso sintético no dia 16 de fevereiro, contra o Mirassol, após cerca de 30 dias de obras. A equipe terá em breve o mesmo modelo do campo artificial na Academia de Futebol. O espaço está em reformas e deve ficar pronto nas próximas semanas.

"A modernização do gramado da arena foi um passo muito importante para nós. Ficamos felizes em conseguir encontrar a melhor alternativa para o nosso negócio e para a Sociedade Esportiva Palmeiras. A homologação apenas ratifica o que já prevíamos", disse o diretor da WTorre, administradora do estádio palmeirense, Luis Davantel. 

Segundo Alessandro Oliveira, presidente da empresa responsável pela instalação do gramado, a Soccer Grass, os avaliadores elogiaram muito o gramado. "Estamos todos muito contentes, pois a informação que recebemos do laboratório que fez todos os testes, é que esse campo do Allianz, além de estar homologado, é o melhor campo das Américas, isso é motivo de grande orgulho para todos nós que fizemos parte desse projeto", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeirasCampeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.