Fifa quer limitar número de substituições

A Fifa quer uma nova norma que restrinja a cinco o número de substituições em partidas amistosas. Atualmente, os treinadores combinam o número de trocas, que pode até ser ilimitadas. No encontro da International Board, dia 28, também será discutido o aumento de 15 para 20 minutos o intervalo entre o primeiro e o segundo tempo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.