Fifa rejeita recurso de Roberto Carlos

Roberto Carlos continuará suspenso dos jogos da seleção brasileira, que estará desfalcada do lateral no jogo amistoso contra o México, marcado para ocorrer em Guadalajara no dia 30 de abril. Nesta terça-feira, a Fifa rejeitou o recurso feito pelo jogador alegando que há evidências suficientes para concluir que a atitude do atleta contraria as regras de disciplina da entidade.Roberto Carlos foi expulso durante o jogo entre o Brasil e Portugal, realizado no Porto no dia 29 de março. O lateral teria dado uma peitada no juiz Alon Yefet, que incluiu o fato no relatório da partida.Diante do comportamento do jogador, a Fifa decidiu suspender de forma provisória o lateral de todos os jogos do Brasil até que uma decisão final fosse tomada sobre uma eventual punição.Mas na quarta-feira da semana passada, Roberto Carlos apelou para que a Fifa realizasse uma revisão de sua suspensão provisória. Depois de analisar o vídeo da partida e as informações do árbitro, o presidente do Comitê de Apelação da Fifa, Rafael Salguero Sandoval, da Guatemala, conclui que a suspensão provisória foi aplicada de acordo com as regras da Fifa e, portanto, deveria ser mantida.A Fifa tomará uma decisão final sobre a suspensão do jogador no próximo dia 9, em Zurique, durante a reunião do Comitê de Disciplina da entidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.