Fifa substitui assistente que errou em jogo do México com Camarões

Humberto Clavijo foi responsabilizado por dois impedimentos equivocados que anularam gols e dará lugar a árbitro colombiano

Agência Estado

20 de junho de 2014 | 11h24

A Fifa deu cartão vermelho para o auxiliar de arbitragem Humberto Clavijo, da Colômbia, que errou em duas marcações de impedimento na vitória do México sobre Camarões, por 1 a 0, na última sexta-feira, quando as duas seleções estrearam na Copa do Mundo. Ele foi tirado da escala para o próximo jogo que trio de árbitros colombianos vai atuar.

Assim, o colombiano Wilmar Roldán vai arbitrar a partida entre Coreia do Sul e Argélia, no domingo, em Porto Alegre, com o equatoriano Christian Lescano no lugar de Clavijo, enquanto o outro assistente da Colômbia, Eduardo Diaz, foi mantido no trio.

No primeiro tempo do jogo entre México e Camarões, Clavijo levantou a bandeira erroneamente em duas oportunidades, induzindo Roldán a anular dois gols legais do mexicano Giovani dos Santos.

Desde o Mundial de 2006 que a Fifa determina que os integrantes dos trios de arbitragem em partidas do torneio sejam todos do mesmo país, para facilitar o entrosamento. Lescano oficialmente faz parte da equipe do Equador, junto do árbitro Carlos Vera e do auxiliar Byron Romero.

Outras partidas que tiveram a arbitragem definidas nesta sexta-feira foram as entre Alemanha e Gana, que será conduzida pelo argentino Nestor Pitana, e Bélgica e Rússia, que terá o alemão Felix Brych no apito. Ambos os jogos serão disputados no domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014futebolarbitragem

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.