Figger explica venda de Zé Roberto

O empresário Juan Figger, disse há pouco, na CPI da CBF/Nike, que mantém uma rede de "olheiros" no interior de São Paulo, para acompanhar o desenvolvimento de jogadores que estão em ascendência. "Esses olheiros recebem um ?pró-labore? pelos atletas que minha empresa conseguir vender". Sobre a transferência de Zé Roberto da Portuguesa de Desportos para o Real Madri, Juan Figger disse que o jogador saiu do Brasil e foi vendido ao clube espanhol por US$ 6,1 milhões. "US$ 4,6 milhões foram pagos pelo Central Espanhol do Uruguai e US$1,5 milhão foi pago pelo Real Madri". O empresário disse que não sabe de onde a imprensa tirou o valor de US$ 9,9 milhões".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.