Sirli Freitas/Chapecoense
Sirli Freitas/Chapecoense

Figueirense anuncia chegada de Vinícius Eutrópio como novo técnico

Treinador vai ocupar o lugar de Hemerson Maria, que pediu demissão por causa da crise financeira do clube

Redação, Estadão Conteúdo

30 de julho de 2019 | 20h49

Um velho conhecido está de volta ao estádio Orlando Scarpelli. Na noite desta terça-feira, a diretoria do Figueirense anunciou o acerto com Vinícius Eutrópio para a sequência do Campeonato Brasileiro da Série B. Essa é a sua terceira passagem pelo clube de Florianópólis. A melhor delas foi em 2013, quando conquistou o acesso à elite nacional. A apresentação oficial acontecerá nesta quarta.

Vinícius Eutrópio estava sem clube desde que foi demitido do Guarani antes da pausa na Série B por conta da Copa América. Em oito jogos no comando do time bugrino, o treinador conquistou apenas uma vitória, além de cinco derrotas e dois empates.

Na última segunda-feira, Hemerson Maria entregou o cargo por causa dos problemas administrativos que o clube está passando. Irritado com a falta de apoio dos dirigentes e também com os salários atrasados, o treinador decidiu não continuar.

Ex-volante, passando inclusive pelo Figueirense, Vinícius Eutrópio tem 53 anos e sua primeira experiência como treinador foi em 2009 no Ituano. Depois passou por Fluminense, Grêmio Barueri-SP, Duque de Caxias-RJ, América-MG, ASA-AL, Chapecoense, Ponte Preta, Santa Cruz, Bolívar (Bolívia) e Guarani.

O melhor momento de Vinícius Eutrópio como treinador foi justamente no Figueirense. Em 2013, ele conquistou o acesso à elite do Brasileirão. No ano seguinte, se sagrou campeão do Campeonato Catarinense sendo eleito, inclusive, o melhor comandante do torneio estadual.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.