Figueirense encara o Santos para evitar fama de reabilitar times em crise

Depois de perder para o lanterna Joinville, o Figueirense buscará a reação no Campeonato Brasileiro contra outro adversário que vive péssimo momento. Neste sábado, às 18h30, o time catarinense visita o Santos, que vem de quatro derrotas consecutivas.

Estadão Conteúdo

11 de julho de 2015 | 07h04

Para não contribuir com a reabilitação de mais uma equipe que está na zona de rebaixamento, o Figueirense realizou o último treinamento de portas fechadas. O técnico Argel Fucks não confirmou quem será o substituto do zagueiro Thiago Heleno, que lesionou a coxa direita e foi vetado pelo departamento médico.

Bruno Alves e Saimon disputam a vaga. "Vamos ver, ainda não definimos. A sequência de jogos é dura. Temos um outro jogo difícil dois dias depois (contra o Botafogo, na terça-feira, fora de casa, pela Copa do Brasil). Temos confiança em todos os jogadores. Do goleiro ao ponta-esquerda", despistou o treinador.

O problema na zaga é a única modificação que Argel deve fazer em relação ao time que perdeu para o Joinville por 2 a 0, em casa, na última rodada. O placar adverso manteve a equipe com 15 pontos, na 11ª colocação. O Santos tem 10 e está em 17º.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFigueirense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.