Reprodução/Instagram/Botafogo
Reprodução/Instagram/Botafogo

Figueirense perde pênalti no fim, empata com Botafogo e mantém jejum na Série B

Andrigo teve chance de decidir o jogo, mas parou no goleiro Darley; são 18 partidas sem vencer

Redação, Estadão Conteúdo

08 de outubro de 2019 | 22h04

Com um pênalti desperdiçado aos 40 minutos do segundo tempo, o Figueirense voltou a tropeçar na Série B do Campeonato Brasileiro. Na noite desta terça-feira, o time catarinense perdeu chances e ficou no empate sem gols com o Botafogo, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela 27ª rodada. Lanterna da tabela, a equipe de Florianópolis somou seu 18º jogo seguido sem vitória.

Com o resultado, o Figueirense continua na última colocação, com meros 21 pontos, cada vez mais longe de deixar a zona de rebaixamento. Já o Botafogo, com 40, acabou deixando o G-4 da Série B.

A equipe catarinense somava 23, mas teve subtraídos três pontos na tabela por decisão da CBF, ao seguir punição aplicada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que puniu o clube catarinense com uma multa de R$ 3.000 por conta do W.O. diante do Cuiabá, pela 17ª rodada.

O clube catarinense alega que a CBF interpretou de forma equivocada o texto da decisão do STJD. Isso porque, a pena do Artigo 203 do CBJD não fala em perda de mais pontos ao clube que deu W.O.: "Multa, de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais), e perda dos pontos em disputa a favor do adversário, na forma do regulamento".

O JOGO

Nesta terça, o Botafogo não teve o mesmo ímpeto de quando goleou a Ponte Preta. O time de Ribeirão Preto fez um primeiro tempo apático e ameaçou o lanterna Figueirense apenas nos acréscimos. Marlon Freitas arriscou da entrada área e mandou rente à trave de Pegorari. E foi só. A equipe paulista pecou na criatividade e abusou das jogadas pelos lados de campo.

Apesar de conseguir anular o rival, o Figueirense também teve apenas uma oportunidade nos primeiros 45 minutos. Jefferson Renan apareceu livre pela direita e tentou o chute. A bola bateu na rede pelo lado de fora. O time catarinense mostrou a mesma dificuldade das partidas anteriores e pouco empolgou.

O panorama do segundo tempo foi outro. O Figueirense saiu ao ataque e perdeu grande oportunidade logo aos quatro minutos. Andrigo arriscou de fora da área e mandou para fora. A resposta veio com Murilo Henrique. O atacante recebeu de Pablo e chutou perto do gol.

O time de Ribeirão Preto cresceu e fez uma verdadeira blitz no campo defensivo do Figueirense. No chute de Murilo Henrique, Pegorari defendeu. Já a cabeçada de Luiz Otávio foi para fora. Bruno Moraes, por sua vez, só não marcou, pois Pereira tirou em cima da linha.

O Figueirense não se entregou e teve a melhor chance de marcar. Luiz Otávio acertou o cotovelo no rosto de Alemão, dentro da área, e acabou expulso. Andrigo foi para a cobrança de pênalti, mas parou na defesa de Darley, que assegurou o 0 a 0 no placar.

Com um homem a mais, o time catarinense tentou pressionar o rival, mas foi com Andrigo, novamente, a melhor oportunidade de gol. O meia recebeu livre dentro da área, mas cabeceou muito mal, não tirando o zero do marcador.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrenta o Brasil na sexta-feira, às 19h15, no estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS). No sábado, às 19h, o Figueirense recebe o América no Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 0 x 0 FIGUEIRENSE

BOTAFOGO - Darley; Lucas, Luiz Otávio, Didi e Pará; Pablo, Higor Meritão (Felipe Saraiva), Marlon Freitas, Murilo Henrique (Nadson) e Dodô (Bruno José); Bruno Moraes. Técnico: Hemerson Maria.

FIGUEIRENSE - Pegorari; Luis Ricardo, Alemão, Pereira e Conrado; Patrick, Tony, Breno (Robertinho), Andrigo e Jefferson Renan (Victor Guilherme); Yuri Mamute (Odilávio). Técnico: Márcio Coelho.

ÁRBITRO - Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ).

CARTÕES AMARELOS - Bruno Moraes e Lucas (Botafogo); Alemão, Andrigo, Patrick e Yuri Mamute (Figueirense).

CARTÃO VERMELHO - Luiz Otávio (Botafogo).

RENDA E PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.