Figueirense promete marcação forte no Rio

A forte marcação como principal expediente para conter o ímpeto do Botafogo e quebrar a sequência de duas derrotas sofridas fora de casa. Este será um dos atributos do Figueirense para se manter entre os três primeiros colocados no seu jogo de abertura da sétima rodada do Campeonato Brasileiro da Série A, neste sábado à tarde. O técnico Dorival Júnior embarcou, hoje, para o Rio de Janeiro, defendendo que o seu time terá que repetir o comportamento semelhante ao que aplicou na vitória, por 2 a 1, sobre o São Caetano, na última rodada. "Mesmo atuando fora, não pretendemos deixar o adversário jogar. Espero uma participação ativa e de muita responsabilidade dos meus jogadores nesta partida", pregou, salientando ainda que o Figueirense atuará consciente de vários pontos a serem explorados no adversário. O time atua desfalcado do meia-direita Fernandes e o atacante Romualdo, lesionados. Nenê e Izaias, respectivamente, serão seus substitutos. Embora credenciado para voltar à liderança do Campeonato no final de semana, feito que conseguiu sustentar durante as três primeiras rodadas, o técnico do Figueirense destaca que o mais importante para o time no momento é conquistar a estabilidade necessária para enfrentar de igual para igual os próximos adversários da disputa. Vice-líder, com 12 pontos, o Figueirense assumirá a liderança se vencer o Botafogo e havendo um tropeço do São Paulo diante do Cruzeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.