Lisi Niesner/Reuters
Lisi Niesner/Reuters

Filho de George Weah renova com o PSG e é emprestado ao Celtic

Tim, que tem cidadania norte-americana, assinou contrato até 2021 com o time francês

Redação, Estadão Conteúdo

07 de janeiro de 2019 | 21h11

O jovem Tim Weah viveu uma segunda-feira bastante movimentada. O filho de um dos maiores jogadores africanos de todos os tempos, o liberiano George Weah, acertou sua renovação contratual com o Paris Saint-Germain e, momentos depois, foi emprestado para o Celtic, da Escócia.

Tim Weah, que tem cidadania norte-americana, definiu a renovação de seu vínculo com o PSG até o junho de 2021. O jogador de 18 anos, porém, não vestirá a camisa do clube até o fim desta temporada. Ele vai jogar por empréstimo pelo Celtic, que não tem a opção de compra ao fim deste período.

O jovem Weah já tem oito partidas com a camisa da seleção dos Estados Unidos, mas vinha sofrendo com a falta de espaço no estrelado elenco do PSG, brigando por posição com nomes como Neymar, Mbappé e Cavani. Ele atuou em somente duas partidas do atual Campeonato Francês e não entra em campo pela competição desde agosto.

Justamente para dar mais experiência ao garoto, o clube decidiu liberá-lo por empréstimo. Seu novo treinador, Brendan Rodgers, ex-Liverpool, disse que Weah está "faminto" e tem "atributos naturais em termos de ritmo e técnica" para ajudar o Celtic, atual líder do Campeonato Escocês.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.