Filho de Qaddafi terá posto na Juve

O filho do ditador líbio Muammar al Qaddafi terá um posto entre os acionistas da Juventus, de Turim, após a aquisição de uma cota de ações por parte do país africano. Al-Saadi Qaddafi, torcedor da Juventus e que está tentando impulsionar o futebol na Líbia, deverá ser indicado na próxima reunião dos acionistas. A Líbia, por meia da Lafico, possui 7,5 % de ações do clube.

Agencia Estado,

27 Agosto 2002 | 19h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.