Filho do técnico abandona seleção de Sérvia e Montenegro

Dusan Petkovic, filho do técnico da seleção de Sérvia e Montenegro, abandonou a equipe poucas horas antes do time deixar a Áustria, nesta terça-feira, com destino à Billerback, cidade alemã em que ficarão concentrados durante a Copa. A convocação do atleta, no último dia 29 para ocupar o lugar do contundido Mirko Vuicinic, causou muita polêmica e provocou uma onda de comentários negativos no país.Petkovic não suportou a pressão dos comentários sobre ele e seu pai e decidiu se despedir dos outros jogadores com os quais estava treinando desde a quarta-feira passada. No último domingo, em um amistoso da Sérvia e Montenegro contra um combinado da região de Koruska, na Áustria, Petkovic marcou o último gol da vitória por 6 a 0 e tudo indicava que a polêmica havia chegado ao fim.Seu pai, o técnico Ilija Petkovic, preferiu não fazer comentários sobre o assunto e no momento está mais preocupado em verificar se poderá chamar um outro jogador, já que a saída de seu filho não foi motivada por uma lesão. Embora Petkovic não seja considerado uma peça importante no time, a sua decisão deve abalar o ambiente que os jogadores julgavam excelente e que consideravam a arma mais forte da equipe.A Sérvia e Montenegro está no grupo C da Copa do Mundo, ao lado de Argentina, Costa do Marfim e Holanda, contra quem estréia no dia 11 de junho, em Leipzig.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.