Filme inspira são-paulinos para restante do Brasileirão

Jogadores assistiram à pré-estreia de 'Soberano', que conta a história dos seis títulos nacionais

AE, Agência Estado

15 de setembro de 2010 | 09h50

Depois de assistirem à pré-estreia de "Soberano", filme exibido em primeira mão na última segunda-feira em um evento apenas para convidados, os jogadores do São Paulo afirmaram que o longa-metragem que conta a história dos seis títulos nacionais obtidos pelo clube servirá como inspiração para a continuidade deste Campeonato Brasileiro.

Ainda restam 17 rodadas para o término da competição e o São Paulo ainda tem esperança de conquistar o título neste ano, mesmo estando hoje 13 pontos atrás do líder Fluminense. O lateral-direito Jean, que participou da campanha vitoriosa do Nacional de 2008, lembrou que as histórias contadas por torcedores no "Soberano" foram um incentivo a mais para a equipe seguir acreditando no seu objetivo maior.

"A gente faz parte da vida de cada torcedor, que são milhões. Isso ficou marcado para mim e vou levar isso para dentro de campo. Vou ficar com isso na cabeça, pois a gente entra na casa dos torcedores. Isso me deixa emocionado", ressaltou o jogador.

Já o zagueiro Xandão, de apenas 22 anos, lembrou que se identificou bastante com o filme pelo fato de ser são-paulino desde quando era criança. "O produtor do filme está de parabéns. Ainda não tinha acompanhado e é muito emocionante saber da história deste clube grandioso. Ver como foi conquistado os seis títulos. Acredito que estamos em uma situação parecida com o título de 2008. O São Paulo perdeu para o Grêmio e ficou 11 pontos atrás. Não vejo isso como obstáculo. Vendo este filme, eu vejo que dá para chegar. É só a gente acreditar. O grupo é muito forte", disse o defensor, lembrando que na campanha da última conquista nacional são-paulina o time reverteu uma larga vantagem de pontos para ser campeão.

O São Paulo voltará a campo nesta quinta-feira, contra o Internacional, às 21 horas, no Morumbi, no primeiro de uma sequência de quatro jogos que fará na capital paulista, pois em seguida terá pela frente o Palmeiras, no Pacaembu, e depois voltará a atuar em seu estádio diante de Guarani e Goiás.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.