Catherine Ivill/Reuters
Catherine Ivill/Reuters

Final da Copa da Liga Inglesa será teste de volta ao público com 8 mil presentes

Estádio de Wembley será palco da decisão entre Manchester City e Tottenham no dia 25 deste mês

Redação, Estadão Conteúdo

04 de abril de 2021 | 15h14

A decisão da Copa da Liga Inglesa pode ser um divisor de águas na Inglaterra para a volta do público aos estádios. A decisão entre Manchester City e Tottenham, dia 25 de abril, em Wembley, servirá de teste às autoridades sanitárias locais e contará com 8 mil torcedores das duas equipes, mais membros da saúde inglesa.

Rick Parry, presidente da Liga de Futebol da Inglaterra (EFL), fez o anúncio oficial neste domingo. "O objetivo geral da EFL sempre foi buscar trazer os fãs de volta aos estádios assim que fosse seguro fazê-lo e agradecemos a oportunidade de desempenhar nosso papel, trabalhando em parceria com o Estádio de Wembley, as autoridades locais e os especialistas que supervisionam o programa de pesquisa", afirmou o dirigente. "Esses esforços coletivos serão cruciais à medida que buscamos o retorno dos torcedores dos clubes da EFL para as Eliminatórias e o início da temporada 2021/22."

O presidente da Liga da Inglaterra não revelou quantos ingressos serão destinados aos torcedores de cada equipe. Mas deve dividir o estádio ao meio, com o pessoal da saúde sendo premiado com a possibilidade de também acompanhar a decisão.

"Temos trabalhado bastante com as partes interessadas. A EFL confirma que uma parte dos ingressos estará disponível para os clubes finalistas, o que significa que os fãs de cada lado poderão torcer por seus times, marcando um retorno bem-vindo para os fãs do futebol inglês."

Com a pandemia de covid-19 controlada na Inglaterra, a ideia é liberar a volta gradual da torcida ao estádio em outras cidades inglesas. "A Carabao Cup (nome oficial da Taça da Liga Inglesa) é importante para a Liga, para os clubes e é fantástico poder ter torcedores de volta. Será um marco importante no percurso para voltar a termos os espectadores de volta", acredita Rick Parry.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.