Final da Copa das Confederações terá homenagem a Foe

O jogador camaronês Marc-Vivien Foe, que morreu em campo durante a edição de 2003 da Copa das Confederações, será homenageado antes da partida final do torneio deste ano, no próximo domingo, na África do Sul.

AE-AP, Agencia Estado

22 de junho de 2009 | 10h39

Foe morreu na partida contra a Colômbia, na semifinal da competição, depois de sofrer uma parada cardíaca. Na decisão do título, os camaroneses perderam para a França por 1 a 0, no gol de ouro.

"O que é importante dizer é que desde a morte de Foe, o futebol aprendeu muito sobre esse problema das doenças cardíacas entre jogadores. É impossível controlar todos os milhões de jogadores em todo o mundo, mas nas competições da Fifa isso já tem acontecido", afirmou o presidente da Fifa, Joseph Blatter.

Segundo Blatter, a homenagem acontecerá quando as duas equipes finalistas estiverem perfiladas no centro do campo, antes do início do jogo. "Vamos mandar uma mensagem para o mundo sobre o que aconteceu", disse o dirigente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.