Finazzi pede humildade à Ponte Preta nas rodadas finais

A vitória sobre o Palmeiras por 2 a 0, no sábado, deu novo ânimo à Ponte Preta. Com 24 pontos e na oitava colocação do Campeonato Paulista, o time ainda está na disputa por uma das quatro vagas na semifinais, já que a distância para o quarto colocado, o Corinthians, é de apenas dois pontos. Ainda assim, o atacante Finazzi pede humildade à equipe.

AE, Agencia Estado

22 de março de 2010 | 20h35

"Claro que vencer um time como o Palmeiras é melhor, mas não podemos repetir falhas como nas outras vezes e perder pontos diante de times teoricamente mais fracos, como foi com Sertãozinho e Oeste. Precisamos colocar os pés no chão, porque ainda estamos na luta pela classificação às semifinais", disse Finazzi, autor do segundo gol da Ponte no Palestra Itália.

A Ponte Preta volta a campo na quarta-feira, às 19h30, diante do Rio Claro, no Moisés Lucarelli, em Campinas, pela 16.ª rodada. O time terá a volta do volante Guilherme. Já o meia Fabiano Gadelha, que preocupava o departamento médico, deve ser liberado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.