Tiziana Fabi/AFP
Tiziana Fabi/AFP

Fiorentina mostra força e supera o Barcelona sem Messi e Neymar

Italianos ganham o movimentado amistoso em Florença por 2 a 1 

Estadão Conteúdo

02 de agosto de 2015 | 19h33

Barcelona e Fiorentina entraram em campo neste domingo, no Artemio Franchi, em Florença, para realizar mais um amistoso da pré-temporada na preparação para seus respectivos campeonatos. O time catalão não contou com a presença de Lionel Messi e Neymar, poupados. Mas de amistoso a partida não teve nada. Foi um daqueles confrontos que nenhum torcedor vai esquecer fácil. Com várias oportunidades dos dois lados, o atacante Bernardeschi, de 21 anos, fez a diferença e marcou duas vezes, garantindo a vitória da equipe italiana por 2 a 1 sobre os espanhóis. O uruguaio Luis Suárez balançou a rede para o time de Barcelona.

Na Inglaterra, em seu jogo de estreia, o atacante da seleção brasileira Roberto Firmino fez o seu primeiro gol com a camisa do Liverpool, em um amistoso realizado contra o Swindon Town, no estádio County Ground, na Inglaterra, na casa do adversário. O belga Christian Benteke, outra grande contratação da temporada, fez um golaço para fechar o placar com vitória por 2 a 1 para o Liverpool. Obika marcou para o Swindon.

Na Copa Colônia, na Alemanha, o Colônia conquistou neste domingo o título do torneio amistoso que organizou em casa com Valencia, Porto e Stoke City ao vencer a equipe espanhola por 3 a 2 no Rhein Energie Stadion. No outro jogo do torneio neste domingo, o Porto venceu o Stoke City por 3 a 0.

Em outros amistosos importantes da pré-temporada, o Galatasaray venceu em casa a Inter de Milão por 1 a 0, gol de Sneijder, ex-jogador da equipe italiana. O Napoli foi até Nice e perdeu por 3 a 2 para o time local. Callejon e Mertens marcaram para os italianos e Plea, Seri e Valere Germain fizeram para o Nice. Na Alemanha, o Schalke 04 ficou no 1 a 1 com o holandês Twente. Johannes Géis fez para os alemães e Michael Olaitan empatou para o time da Holanda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.