Peter Powell/EFE
Peter Powell/EFE

Firmino brilha com assistências, Mané faz 2 e Liverpool vence o Newcastle em casa

Comandados de Jurgen Klopp chegam ao 5º triunfo em cinco jogos, a 14ª vitória consecutiva, contando os jogos da última edição do Inglês

Redação, Estadão Conteúdo

14 de setembro de 2019 | 11h12

O Liverpool segue irresistível e invencível no Campeonato Inglês. Neste sábado, em duelo válido pela quinta rodada, o time do técnico Jürgen Klopp passou dificuldade, mas contou com grande atuação de Roberto Firmino e Sadio Mané para vencer o Newcastle de virada, por 3 a 1, em casa, no Anfield, e manter os 100% de aproveitamento no torneio.

Além disso, o Liverpool, com o quinto triunfo em cinco jogos - foi a 14ª vitória consecutiva, contabilizando os jogos da última edição do Inglês - abriu uma folga na liderança, agora com 15 pontos, cinco a mais que o vice-líder Manchester City, que encara o Norwich neste sábado, fora de casa. O Newcastle soma cinco pontos e é o 16º colocado.

A vitória eleva ainda mais o moral para a estreia na Liga dos Campeões. O atual campeão europeu começa a trajetória pela defesa do seu título na próxima terça-feira, quando faz a estreia diante do Napoli, na Itália.

O duelo está marcado para as 16 horas (de Brasília) no estádio San Paolo, em Nápoles, e é o primeiro do Grupo E, que também conta com o Genk, da Bélgica, e o RB Salzburg, da Áustria. Depois, no domingo, o Liverpool encara o Chelsea, em Londres.

Um susto pôs à prova o poder de reação do Liverpool. O lateral holandês Jetro Willems abriu o placar para o Newcastle aos sete minutos e pôs pressão no rival. A vantagem não durou muito e desmoronou quando Mané empatou o jogo com um lindo chute no ângulo esquerdo aos 27 minutos.

Convocado para os últimos amistosos da seleção brasileira, Firmino começou no banco por opção de Klopp. O atacante brasileiro teve a sua entrada adiantada em razão da lesão de Origi e deixou o banco no final da primeira etapa.

Com ele em campo, o time mandante cresceu ainda mais na partida, chegou a ter 80% de posse de bola, e encontrou o segundo gol. Firmino lançou para Mané, que se beneficiou da trapalhada do goleiro, e ficou com o gol livre para virar o jogo aos 39.

O melhor ficou para a etapa final. Inspirado, Firmino deu outra assistência, desta vez em grande estilo, de letra, para Salah. O atacante Egípcio apareceu livre na esquerda e bateu cruzado para fazer o terceiro e selar o placar no Anfield.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.