Phil Noble/Reuters
Phil Noble/Reuters

Firmino comemora atuação histórica em goleada do Liverpool: 'Levarei para sempre'

Atacante marca hat-trick pela primeira vez na carreira e vira o brasileiro com mais gols na 'era Premier League' do Inglês

Redação, Estadão Conteúdo

29 de dezembro de 2018 | 20h38

A vitória do Liverpool por 5 a 1 sobre o Arsenal, neste sábado, pelo Campeonato Inglês, teve protagonismo de Roberto Firmino. O atacante marcou três gols no Anfield Road, um feito inédito na sua carreira, consolidando o seu time na liderança no torneio. Além disso, se tornou o brasileiro com mais gols na era Premier League da competição, com 43. Assim, reconheceu que o confronto já faz parte da sua história no futebol.

"Realmente, é uma partida que levarei para sempre no meu coração. Não é todo dia que um jogador consegue fazer três gols", afirmou Firmino, que assim deixou para trás Philippe Coutinho, com 41, na relação de brasileiros com mais gols na história da Premier League.

Apesar da goleada, Firmino destacou que o confronto não foi fácil para o Liverpool, que ainda largou em desvantagem. Mas, ainda assim, obteve um triunfo expressivo. "O importante, mesmo, foi ter ajudado a equipe a vencer um jogo muito difícil. É duro sofrer um gol logo no início, ainda mais de uma equipe qualificada como a do Arsenal, e ter a frieza e a competência para virar e administrar da forma como fizemos. E sem abdicar do ataque", comentou.

Com a vitória, o Liverpool lidera o Campeonato Inglês com 54 pontos, com nove de vantagem para o Tottenham, que decepcionou neste sábado ao perder para o Wolverhampton, e também dez a mais do que o Manchester City, que visitará o Southampton no domingo.

Mais do que a situação confortável na tabela, o que empolga Firmino é o bom futebol apresentado pela equipe. "Uma atuação como essa é que nos dá a certeza de que o trabalho está sendo bem feito e de que estamos no caminho certo", disse o atacante brasileiro.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.