Fla dispensa Leandro Machado e Beto

O primeiro semestre foi desastroso para o Flamengo. O clube perdeu o título da Copa Mercosul, foi eliminado do Torneio Rio-São Paulo e da Copa Libertadores e, neste domingo, foi goleado pelo Fluminense, por 4 a 1, terminando com o sonho do tetracampeonato do Campeonato Estadual. A comissão técnica rubro-negra reuniu-se nesta segunda-feira e ficou decidido que o técnico Lula Pereira continua no comando da equipe. Outra decisão foi a de que o Flamengo fará a preparação para a Copa dos Campeões, na Gávea, e não fora do Rio. Além disso, os contratos do atacante Leandro Machado e do meia Beto serão rescindidos. O presidente do Flamengo, Edmundo dos Santos Silva, estava revoltado com o desempenho do time na derrota para o Fluminense. "É muito triste. Nos esforçamos para colocar os salários em dia e alguns jogadores não honraram a camisa rubro-negra", afirmou o dirigente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.