Site Oficial / Flamengo
Site Oficial / Flamengo

Flamengo anuncia retorno do goleiro Julio Cesar para encerrar a carreira

Goleiro irá utilizar camisa número doze, que era guardada em homenagem à torcida

Estadão Conteúdo

29 Janeiro 2018 | 12h34

O goleiro Julio Cesar está de volta ao Flamengo. Nesta segunda-feira, o clube carioca anunciou a contratação do ídolo do clube, que iniciou a sua carreira no time da Gávea e retorna 14 anos após a sua saída para o futebol europeu. "Bem-vindo de volta", afirmou o Flamengo em publicação no seu perfil no Twitter para anunciar a contratação do goleiro, que assinou um contrato válido por três meses.

+ Flamengo e Vasco empatam sem gols em clássico morno no Maracanã

+ Carpegiani elogia estreia de Marlos Moreno no Fla e defende Vinícius Junior

"Quando começou a fazer o contato conosco, ele manifestou que na sua carreira faltaria realizar esse sonho (de encerrar a carreira no Flamengo). É bom repatriar ídolos em atividade. Ele vinha treinando e jogando no Benfica em alto nível. Já digo de antemão que ele fez um contrato simbólico, que prova a paixão que tem pelo clube", afirmou Rodrigo Caetano, diretor executivo de futebol do Flamengo.

Julio Cesar, de 38 anos, estava sem clube após encerrar a sua passagem pelo Benfica em dezembro de 2017. O goleiro, formado nas divisões de base do Flamengo, saiu do clube carioca em 2005. Ele foi promovido ao time profissional em 1997, período em que conquistou três vezes o Campeonato Carioca, duas a Copas dos Campeões e uma a Copa Mercosul.

Depois disso, Julio Cesar marcou época na Inter de Milão, onde viveu seu auge no futebol, além de ter sido convocado para as últimas três edições da Copa do Mundo, sendo o titular da seleção brasileira em 2010 e em 2014. Na sua carreira, o goleiro também atuou pelo italiano Chievo, pelo inglês Queen Park Rangers e pelo Toronto FC, antes da sua passagem pelo Benfica.

Agora, então, Julio Cesar está de volta ao Flamengo, onde vai dar os seus últimos passos no futebol profissional. Ele vai vestir a camisa de número 12, como adiantou o presidente Eduardo Bandeira de Mello durante a apresentação do goleiro.

"Enquanto estiver aqui, o Julio vai usar a camisa número 12. Ela foi aposentada para o torcedor do Flamengo, mas como ele está prestando uma homenagem, nada mais justo que use o número da torcida", afirmou o dirigente.

Antes de Julio Cesar, o Flamengo havia acertado a chegada de apenas um reforço para a temporada 2018, o atacante colombiano Marlos Moreno.

Mais conteúdo sobre:
futebol Flamengo Julio Cesar

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.