Wilton Júnior/AE
Wilton Júnior/AE

Flamengo aplica 3 a 0 e mantém o sonho da Libertadores

Dupla Adriano e Petkovic brilham na vitória sobre o Coritiba no Maracanã; clube rubro-negro vai aos 37 pontos

LEONARDO MAIA, Agencia Estado

20 de setembro de 2009 | 20h58

Com três lindos gols, o Flamengo manteve vivo o sonho de alcançar um lugar entre os quatro primeiros colocados e consequente chegar à Libertadores ao vencer o Coritiba por 3 a 0, neste domingo, no Maracanã, pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Veja também:

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

A dupla Adriano e Petkovic foi a protagonista da noite. O atacante chegou ao seu 13.º gol, mantendo-se empatado com o gremista Jonas na liderança da artilharia. Já o meia marcou de falta e deu a assistência para um golaço de Adriano.

Com 37 pontos, o Flamengo subiu para a oitava posição. Os paranaenses permanece na 15.ª colocação, com 27 pontos, dois acima da zona de rebaixamento. "Ainda não aprendi palavras em português suficientes para descrever essa torcida", derreteu-se Petkovic, para depois elogiar Adriano. "Se continuar atuando desse jeito, será o artilheiro do campeonato e vai para a Copa."

Adriano, por sua vez, festejou o fato de o Flamengo ter dado mais um passo para chegar ao grupo dos quatro primeiros colocados. "Estamos jogando bem e temos um objetivo que é chegar ao G-4. Sabemos que é difícil, mas estamos trabalhando para isso", comentou o atacante.

O jogo foi equilibrado e disputado de forma aberta pelas duas equipes. Os paranaenses arriscavam muitos chutes de fora da área, enquanto os jogadores do time carioca buscavam as jogadas pelas laterais e os cruzamentos. Aos três minutos, Pedro Ken chutou de longe, Bruno rebateu mal e Ariel acertou o poste esquerdo.

Depois que Denis Marques desperdiçou bom cruzamento de Adriano, Fierro tocou para Petkovic, que chutou para boa defesa de Edson Bastos, aos 26 minutos. O goleiro curitibano nada pode fazer, porém, aos 33, quando o sérvio cobrou com muita categoria uma falta na risca da grande área e achou o ângulo. Os jogadores do Coritiba reclamaram muito do lance, questionando a marcação da infração.

O Coritiba quase empatou, mas Marcelinho Paraíba desperdiçou, aos 38, mais uma vez depois de rebote de Bruno. No lance seguinte, Adriano fez boa jogada e chutou cruzado. A bola bateu na trave.

As duas equipes encontravam espaços para avançar. O que deixava o contra-ataque disponível para ambos os lados. Em um deles, Petkovic fez bom passe para Adriano, que, com um toque magistral, encobriu Edson Bastos, num lindo gol.

A partir daí, bastou ao Flamengo controlar a partida. Ainda houve tempo para o terceiro gol. Aos 37 minutos, o volante Willians emendou uma bomba de fora da área e acertou o ângulo de Edson Bastos, em mais um belo gol.

FLAMENGO 3 X 0 CORITIBA

Flamengo - Bruno; Léo Moura, Álvaro, Ronaldo Angelim e Everton; Maldonado, Aírton, Fierro (Willians) e Petkovic(Erik Flores); Denis Marques (David) e Adriano. Técnico: Andrade.

Coritiba - Edson Bastos; Rodrigo Heffner, Jéci, Dirceu e Renatinho; Jaílton (Marcos Aurélio), Leandro Donizete (Luciano Amaral), Pedro Ken e Carlinhos Paraíba; Marcelinho Paraíba e Ariel (Rômulo). Técnico: Ney Franco.

Gols - Petkovic, aos 33 minutos do primeiro tempo; Adriano, aos 11, e Willians, aos 37 do segundo tempo

Cartões amarelos - Aírton, Everton, Adriano e Bruno (Flamengo); Jéci, Leandro Donizete, Renatinho e Ariel (Coritiba)

Árbitro - Wilton Pereira Sampaio (DF)

Renda - R$ 797.765,50

Público - 47.921 pagantes (50.552 presentes)

Local - Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.