Aris Messinis / AFP
Aris Messinis / AFP
Imagem Robson Morelli
Colunista
Robson Morelli
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Flamengo começa a seduzir Jorge Jesus, que tem uma Liga dos Campeões com o Benfica para jogar

Treinador não está feliz em sua própria casa, nunca fechou as portas ao clube brasileiro, mas teria de convencer o time de Portugal a abrir mão de multa de R$ 57 milhões; enfrentar o Ajax pelas oitavas do torneio continental em fevereiro é um problema

Robson Morelli, O Estado de S.Paulo

22 de dezembro de 2021 | 11h18

O Benfica tem uma decisão importante na Liga dos Campeões em fevereiro, quando enfrenta o Ajax pela fase de oitavas de final do torneio continental. O rival Porto não se classificou, o que faz a competição ficar ainda mais pesada. Apesar da campanha limpa do time holandês na etapa de grupos, o duelo não é encarado pelos portugueses como um dos mais difíceis. Portanto, existe a possibilidade nas duas partidas de o Benfica, de Jorge Jesus, seguir adiante na disputa europeia. Há dinheiro e prestígio em jogo. Mas Jesus está sendo seduzido pelo Flamengo. O treinador manda recado de que vai cumprir contrato com o Benfica.

De agora até lá, o Benfica terá de administrar as investidas do clube brasileiro ao trabalho do seu treinador. Há emissários do Fla em Portugal para fechar o negócio, não declarado abertamente, mas em marcha. Tudo passa pelo convencimento a Jorge Jesus. O Benfica não morre de amores por ele neste momento, sua torcida já balançou os lenços brancos no estádio, num sinal de que ele deveria ser demitido. Jesus não agrada no Benfica como agradou durante toda a sua permanência no Flamengo.

A volta ao passado é quase uma obsessão da diretoria do Flamengo e do seu presidente, Rodolfo Landim, que busca no treinador uma solução para as suas últimas escolhas, avaliadas equivocadas pela comunidade rubro-negra. Rogério Ceni e Renato Gaúcho não deram certo e ficaram pouco tempo para contar a história. Jesus chegaria para arrumar tudo. Há uma comunhão do treinador português com os jogadores também. Isso ajuda muito. Jesus se encontraria com quase todos os atletas de sua outra passagem, quando o time ganhou muito, inclusive a Libertadores de 2019.

O problema do torcedor do Benfica com Jesus está no rendimento do time no Campeonato Português. É terceiro na tabela, quatro pontos atrás do líder Porto e do segundo colocado, o Sporting. Algumas partidas ruins ficaram marcadas ao longo da temporada. O fato é que o treinador não se sente à vontade em sua própria casa. O Flamengo seria uma saída por cima.

Há, no entanto, um contrato a ser rompido, cuja multa rescisória teria de ser paga pelo Flamengo. Ela foi assinada em US$ 10 milhões, o equivalente a R$ 57 milhões. Como o acordo acaba em maio de 2022, esse valor seria reduzido. De qualquer maneira, o clube brasileiro teria de assumir isso com o Benfica. É muito dinheiro.

De qualquer forma, Jorge Jesus está cada mais mais seduzido em voltar ao Brasil, agora numa condição de pandemia mais controlada e para um clube que ele conhece bem. Teria sua mesma comissão técnica e talvez alguns novos reforços, embora o Flamengo pouco fale disso antes da escolha do seu treinador. Sua comissão custaria em torno de R$ 2 milhões por mês. O Flamengo esperaria até começo de janeiro para definir o acerto. Por enquanto, não se cogita esperar mais tempo, até porque o elenco se reapresenta dia 10 para a próxima temporada. 

João de Deus, auxiliar de Jesus, disse com todas as letras que o "mister" vai cumprir seu contrato com o Benfica. Disse isso às véspera de uma partida contra o Porto, seu maior rival. 


 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.