Flamengo conturbado por Júnior Baiano

Após algumas semanas sem polêmicas, o clima no Flamengo voltou a ser conturbado nesta segunda-feira, com a afirmação feita pelo zagueiro Júnior Baiano de que com o atual elenco, o time "brigará no máximo" pela quarta colocação no Campeonato Carioca. As palavras do atleta tornaram-se ainda mais veementes, ao serem respaldadas pelo auxiliar-técnico Andrade."No papel, se olharmos os reforços, o Flamengo vai disputar a quarta colocação. Mas, na prática pode ser diferente. É só olhar as contratações do Vasco, Fluminense e Botafogo para ver que eles saíram na nossa frente e contrataram muito mais", frisou Júnior Baiano. "Não tem nada demais falar isso. Nós perdemos vários jogadores, como Felipe, Athirson e Júlio César, e não contratamos ninguém para repor." No domingo, a diretoria rubro-negra se reuniu com o técnico Júlio César Leal para comunicar que o elenco para o Campeonato Carioca é o que está realizando a pré-temporada em Volta Redonda. O treinador que, em sua apresentação, pediu a contratação de cinco reforços em nível de seleção teve que se contentar com apenas quatro reforços considerados pelos torcedores de nível médio: o zagueiro Fabiano, o meia Adrianinho, o lateral-esquerdo André Santos, além do atacante Marcos Denner.O auxiliar-técnico Andrade, que foi técnico do Flamengo no segundo semestre de 2004, ratificou as palavras de Júnior Baiano. Lembrou que o Rubro-Negro está com um time jovem e com poucos jogadores experientes para dar equilíbrio ao elenco. "Temos um time jovem e acho que o Flamengo precisaria de dois ou três jogadores mais experientes", afirmou Andrade. "Só com esses reforços é que poderíamos desejar um algo a mais na competição."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.